Eu vou colocar você no palco.

E aí, galera… Beleza?! Aqui é o Jordão!

Se você está cansado de ver os meus vídeos, de ler meus artigos, se você acha que sabe muito mais do que eu e não se conforma que eu estou aparecendo e você não, então venha ao Epicentro, velho. Você pode subir no palco do Epicentro e mandar teu recado! 

Entre as palestras dos galãs, vai ter o Sobe no Caixote. Você tem 1 minuto para subir no palco do Epicentro e mandar o teu recado. Você pode cantar o hino do Corinthians, você pode pedir a tua mulher em casamento, você pode fazer o que você quiser! Um minuto!

Pare de se sabotar, cara. Pare de falar que você tem medo de falar em público, que você não sabe fazer uma apresentação. Eu não quero que você perca o medo de falar em público. Eu quero que você suba no palco e fale por 1 minuto. É só isso, cara! 

O Epicentro não é um evento para você babar ovo de pseudoguru, é para você aparecer! Eu espero que o seu caixote de 1 minuto seja melhor que os palestrantes que eu chamei. O Epicentro é para você. 

Sabe outra coisa que acontece no Epicentro para você aparecer, cara?! No 3º dia do Epicentro você vai ressuscitar! Você vai ressuscitar no 3º dia! Porque no 3º você sobe no palco e faz uma apresentação do seu plano para 2019. 

Você vai prepará-lo nos dois primeiros dias, num formato louco lá que só quem for vai saber (o “Canvas Jordânico”) e apresentar no 3º dia.

Não é uma palestra, você não tem que ser palestrante, é para você mostrar o seu plano para 2019 a uma bancada formada por mim e pelos palestrantes e aí você vai receber feedback de todo mundo e uns tapas na cara do Jordão

Você acha que é moleza, é?! Que você vai subir lá, falar umas palavrinhas bonitinhas e eu vou dar um beijo na sua cara? Tem que tomar uns tapas na cara de precisar e se merecer. Mas você estará em um contexto ali que estará todo mundo fazendo a mesma coisa.

 Essa sabotagem que você tem contra você vai cair por terra. Porque você vai ver o cara que estava sentado do seu lado subir no palco. 

“O cara acabou de ir lá, eu vou lá também!”

“Foi uma mina…”.

“Foi um moleque de 15 anos…”.

“Foi um velho de 76…”.

“Eu vou lá também!”

O Epicentro não é um evento para babar ovo, é um evento para você aparecer. Você vai perder essa chance, porra?! 

Outra coisa que tem só no Epicentro: eu quero que todo mundo faça negócios lá, eu quero que todo mundo saia conhecendo gente nova. Quando vocês chegarem ao Epicentro, vai ter uma mesa da comunidade epicêntrica, e nessa mesa você pode trazer suas coisas para apresentar.

Então, por exemplo: nos outros lugares você traz a porcaria do seu cartão de visitas e deixa lá. Não é assim no Epicentro, não, velho! Você acha que eu vou fazer o que todo mundo faz, cara?!  Vamos dizer que você é um produtor de laranja: você vai trazer 24 laranjas e deixar ali. Se quiser uma laranja, pega lá. 

Se você é psiquiatra, como você se apresenta na mesa de doações epicêntrica? Você deixa lá 12 folhetinhos seus dando 12 horas grátis, em 12 sessões, para 12 malucos que estão precisando de você. Então, você conta lá que problema que você resolve. 

Quem tiver precisando daquilo, passa lá, pega, e te liga e você começa a fazer negócios. Vendas é um processo que não começa com seu cartão de visita miserável, que não começa com a porcaria do seu folder, que ninguém vai ler, vai jogar fora, não começa você falando de si mesmo. 

Você tem que se doar, dar um pedaço daquilo que você tem. Beleza?! 

Imagina uma mesa dessas, com 350 doações? Você escreveu um livro, deixe lá com recadinho:

“Esse livro vai ajudar pessoas dessa maneira”.

Você tem isso? Pegue o livro. Você não tem? Deixe lá. E O Epicentro é uma comunidade de gente do bem. Não tem isso do cara chegar lá e pegar um de cada, encher a sacola. Não vai ter isso, porque as pessoas que vão ao Epicentro são conscientes e diferenciadas. 

O cara vai pegar o que lhe interessa, não vai pegar só por pegar e socar um monte de coisa que ele não vai usar na casa dele. Você está entendendo?! Eu vou te dar 1, 2, 3, 4 oportunidades para você aparecer, para você fazer negócio com a galera, para você sair do Epicentro muito melhor do que você chegou!

Sai de trás do YouTube! Não vai ser transmitido pela internet. Você tem que vir conhecer a gente, tem que apertar mãos… Sai dessa porcaria dessa internet. A internet existe como um meio, não é um fim. Você tem que usar dela para conhecer as pessoas no mundo físico. 

Não é para ficar sentado, isolado, vendo vídeos, filmes, shows, palestras. Que porcaria de vida é essa que você leva?! Venha encontrar as pessoas! O Epicentro vem aí, faça sua inscrição! 

Eu fiz um video sobre o EPICENTRO

Confere aqui: